7º encontro GEMM – 2022.2

7º encontro GEMM – 2022.2 para continuar a discussão de planos de aula que propõem a utilização da proposta de ensino Sequência Fedathi. Acontecerá no dia 12/12/2022, segunda-feira, às 9h, no Nuper/FACED.

Na discussão do encontro anterior foi reforçado pontos já discutidos ao longo desse semestre. Um dos pontos reforçados é que o professor precisa ter domínio de duas coisas: do conhecimento específico e, no caso, da Sequência Fedathi. Porém, vale lembrar que um professor de matemática, por exemplo, não vai passar ao aluno a teoria que ele sabe. Esse conhecimento precisa ser (re)organizado e transposto à sala de aula, de acordo com o nível de maturidade, de conhecimento dos alunos. Ou seja, os conceitos por trás, o professor deve conhecer! Afinal, isso é preciso para a reorganização do conteúdo, de forma intencional.

Outro ponto é que você precisa simplificar para generalizar. Partir do mais simples, sem complicar, abordando apenas o que é necessário: ficar com a essência! E para generalizar é preciso começar com o geral: Situação Generalizável! Assim, devemos nos utilizar das percepções, para só depois dá nomes, introduzir conceitos. E para isso, para esse processo, devemos nos utilizar da Pergunta (um dos princípios da Sequência Fedathi). Sempre no sentido de levar o aluno à reflexão e não de induzi-lo ao caminho da resposta esperada.

Foi reforçado também que, quando nos utilizamos de um software, como o GeoGebra, por exemplo, é preciso que ele, de fato, represente os objetos matemáticos. E devemos lembrar que é só uma representação. O conceito mesmo está em nossa cabeça, de modo que, algumas vezes, um software não representa bem.

Além disso, caso o professor não conheça a turma, isto é, não saiba quais são os conhecimentos que seus alun@s possuem, a cada aula ele fará um Plateau, se for necessário.

Portanto, um professor experiente precisa se desprender de como ele faz sua aula para conseguir, de fato, ter uma atuação de acordo com a Sequência Fedathi. Ele precisa se colocar no lugar do alun@. Uma forma de começar é explicar todos os “como vou fazer”, todos os porquês, todas as ações, possíveis situações e soluções (hipóteses), descrevendo tudo isso no planejamento. Ainda, no momento da Solução (quarta etapa de vivência da Sequência Fedathi), é preciso definir qual o critério para chamar um determinado aluno para apresentar sua solução. Ou seja, tudo deve estar explícito no plano de aula, todas as possibilidades.

Venha discutir conosco no 7º encontro GEMM – 2022.2, fechando este semestre. Os materiais de apoio estão e permanecerão disponíveis em nosso ambiente virtual GEMM, então, fique ligado online também!

7º encontro GEMM - 2022.2 para continuar a discussão de planos de aula que propõem a utilização da proposta de ensino Sequência Fedathi

Publicado em Sem categoria | Deixe um comentário

6º encontro GEMM – 2022.2

6º encontro GEMM – 2022.2 para continuar a discussão de planos de aula que propõem a utilização da Sequência Fedathi. Ele acontecerá dia 05/12/2022, segunda-feira, às 9h, no Nuper/FACED.

No encontro anterior iniciamos a discussão acerca do uso de slide para ministrar aulas. Será que eles são um bom recurso?!

Na discussão, alguns pontos foram destacados. O professor tende a seguir a linearidade com a qual o slide foi desenvolvido. Por exemplo, se o professor estiver no slide 5 e o aluno fizer uma pergunta em que o assunto está no slide 40, ele, possivelmente, responderá: Vamos já chegar lá!

Isso corrobora com uma atuação docente inflexível, de pouca ou nenhuma abertura para as dúvidas e participações dos alunos, no momento em que elas surgem e são expressas. No entanto, isso pode ser bastante rico e muito bem aproveitado!

“Mas o slide serve de roteiro!” De fato! No entanto, uma das frases mais ditas pelo professor Herminio atualmente é que devemos trabalhar com trilhas e não com trilhos. Nessa perspectiva, o slide, como roteiro, deve ser uma trilha e não um trilho. A dica é: o slide funciona muito bem quando há o uso predominante de imagens! Pois, “uma imagem fala mais que mil palavras!”

Fazendo um link sobre isso com a discussão do encontro passado, numa outra perspectiva: não esqueça que não há ferramenta perfeita, mas ferramenta necessária… Reflita!

Outro ponto de discussão foi: ensino e aprendizagem não se dissociam! Você já ouviu falar sobre a ensinagem? Não tem como dissociar, pois “o aluno vai aprender o quê?” Um conteúdo, que, na verdade, é um ensino. Você acha que, realmente, tem como estudar/pesquisar ensino OU aprendizagem?

Ademais, iniciamos a discussão de planos de aula que propõem a utilização da metodologia de ensino Sequência Fedathi. Na ocasião, apresentou-se, dentre outras, a seguinte pergunta: onde encontramos a Sequência Fedathi na Tomada de Posição?

Na Situação Generalizável! Como vem sendo discutido no decurso dos encontros, os princípios básicos, as palavras-chaves são imprescindíveis na Sequência Fedathi. Quer entender mais?

Venha participar do 6º encontro GEMM – 2022.2! Os materiais de apoio estão disponíveis em nosso ambiente virtual GEMM! Participe, também, online!

6º encontro GEMM - 2022.2 para continuar a discussão de planos de aula que propõem a utilização da Sequência Fedathi.

See you on Monday!

Publicado em Sem categoria | Deixe um comentário

Qualificação de mestrado

Qualificação de mestrado de Gabrielle Andrade Pereira, aluna do Programa de Pós-Graduação em Educação (PPGE) da Universidade Federal do Ceará (UFC). 

A saber, o título do trabalho é: A Sequência Fedathi como proposta metodológica para a Licenciatura em Matemática do programa Universidade Aberta do Brasil da Universidade Federal do Ceará. Se você está curioso, dá uma olhadinha no resumo do trabalho abaixo. 
 
O objetivo do trabalho é apresentar a Sequência Fedathi como proposta metodológica para o curso de Licenciatura em Matemática do Programa Universidade Aberta do Brasil da UFC (UAB/UFC). Assim, por meio de uma pesquisa de caráter qualitativo e classificada como um estudo de caso, a pesquisadora busca identificar os aspectos formativos e conhecer as perspectivas metodológicas do curso investigado.  
 
Além disso, a autora tece algumas orientações e sugestões metodológicas no intuito de contribuir com a formação de professores de Matemática da UAB/UFC. Para isso, ela utilizou a pesquisa documental, a pesquisa bibliográfica e a entrevista. Nesse ínterim, a pesquisadora analisou os documentos curriculares do curso (Projeto Pedagógico do Curso (PPC) e programas de disciplinas). Também, analisou as leis que versam sobre as normas e estruturação da EaD, em especial, no contexto da UAB. Ademais, a pesquisadora utilizou-se de diversos estudos (teses, dissertações, artigos, livros, entre outros) já publicados acerca do tema investigado para a pesquisa bibliográfica. Para a entrevista, a pesquisadora conversará com os coordenadores pedagógicos e com um professor formador do curso, com vasta experiência. 
 
Contudo, ao término da investigação, a pesquisadora responderá ao seguinte questionamento: Como a metodologia Sequência Fedathi poderá contribuir no curso de Licenciatura em Matemática da UAB/UFC?
 
Quer saber mais? Venha participar! A qualificação de mestrado acontecerá no dia 15/12/2022, quinta-feira, às 10 horas. Será realizada no Núcleo de Pesquisas e Estudos Regionais (Nuper), localizado na Faculdade de Educação (FACED) da UFC. Estaremos te esperando!

Qualificação de mestrado de Gabrielle Andrade Pereira, aluna do Programa de Pós-Graduação em Educação (PPGE) da Universidade Federal do Ceará (UFC). 

Publicado em Sem categoria | Deixe um comentário

5º encontro GEMM – 2022.2

5º encontro GEMM – 2022.2 para discutirmos planos de aula que propõem a utilização da Sequência Fedathi. Neste semestre estamos trabalhando sob o tema do TCC de Juliana Félix: “Eu usava a Sequência Fedathi e nem sabia – um relato sobre a prática docente na Educação Infantil“.

Assim, o foco central dos encontros é promover a compreensão de que apenas aplicar as etapas da metodologia de ensino Sequência Fedathi (SF) não garante a sua eficácia. A preocupação deve estar voltada para os princípios da SF, que devem, antes de tudo, serem estudados e internalizados. Para isso, o professor deve preparar o seu plano de aula, de modo que lá esteja explícito não apenas as etapas da Sequência Fedathi, mas, principalmente, seus princípios. Dessa forma, o plano deve conter perguntas para a mediação da aula; possíveis caminhos que os alunos poderão seguir; contraexemplos para o caso de os alunos seguirem por estes caminhos; detalhamento das ações do professor; dentre outros.

Nesse sentido, no GEM2 também discutimos a necessidade de deixar evidente os porquês de cada estratégia escolhida pelo professor. Como, por exemplo, o porquê da utilização de um determinado software. Na gama de opções disponíveis ao professor, ele não deve escolher um software só porque ele está na moda! Portanto, há duas condições sine qua non para essa escolha: sem esse software não é possível fazer a atividade, ou, com o uso dele fica muito melhor. A intenção é, sempre, conseguir gerar conhecimentos, raciocínio no aluno. Afinal, na Sequência Fedathi, é imprescindível que tudo seja intencional.

No 5º encontro GEMM – 2022.2 daremos continuidade à essas discussões. Venha participar! Esse encontro ocorrerá segunda-feira, dia 28/11/2022, às 9 horas, no Nuper/FACED. Os materiais de apoio para nossas discussões estão disponíveis no nosso ambiente virtual GEM2 no TelEduc MultiMeios. Então, participe também online. Inscreva-se!

5º encontro GEMM - 2022.2 para discussão de planos de aula que propõem a utilização da metodologia de ensino Sequência Fedathi

Publicado em Sem categoria | Deixe um comentário

4º encontro GEMM – 2022.2

Oi, gente!

No dia 21/11/2022, 2ª feira, às 9h, iremos nos encontrar no Nuper/FACED para discutir os textos: “Eu usava a Sequência Fedathi e nem sabia: um relato sobre a prática docente na Educação Infantil“; “Caminhos e descaminhos com a Sequência Fedathi para a construção da expertise do docente fedathiano”; “A aplicação de problemas sobre taxas relacionadas com a metodologia Sequência Fedathi”.

Participe, também, online! Inscreva-se em nosso ambiente virtual do GEMM! Esses e muitos outros materiais estão disponíveis por lá!

Publicado em Sem categoria | Deixe um comentário

3º encontro GEMM – 2022.2

Olá, pessoal!!!
No dia 07/11/2022, 2ª feira, às 9h, iremos nos encontrar no Nuper/FACED para continuar a discussão do texto “Eu usava a Sequência Fedathi e nem sabia: um relato sobre a prática docente na Educação Infantil“. Participe, também, online! Inscreva-se em nosso ambiente virtual do GEMM!

Publicado em Sem categoria | Deixe um comentário

Terça-feira GEOnM

Olá, pessoal!
Na próxima terça-feira, dia 01/11/2022, teremos a presença da Prof.ª Dr.ª Eliana Leite para discutirmos “Como escrever um artigo científico”. Vamos participar?!
Aguardamos vocês na sala GEOnM na RNP, às 19h. \o/

Terça-feira GEOnM - Como escrever meu artigo científico

Publicado em Sem categoria | Deixe um comentário

3º encontro GEMM – 2022.2

E aí, pessoal?!
No dia 31/10/2022, 2ª feira, às 9h, temos um encontro marcado no Nuper/FACED para continuar a discussão do “Eu usava a Sequência Fedathi e nem sabia: um relato sobre a prática docente na Educação Infantil“. Até lá!

Publicado em Sem categoria | Deixe um comentário

2º encontro GEMM – 2022.2

Olá, galera do GEMM!!!
Dia 24/10/2022, segunda-feira, às 9h, vamos nos encontrar no Nuper/FACED para discutir o texto “Eu usava a Sequência Fedathi e nem sabia: um relato sobre a prática docente na Educação Infantil“. Aguardamos tod@s vocês!

Publicado em Sem categoria | Deixe um comentário

GEMM – 2022.2

Olá, galera do GEMM!!! Estavam com saudade?!

Pois vamos voltar com tudo?! No dia 18/10/2022 (3ª feira), às 8 horas, vamos nos encontrar no NUPER – Faculdade de Educação/UFC. Aguardamos tod@s vocês para conversar sobre a proposta desse semestre. \o/

Publicado em Sem categoria | Deixe um comentário